MONTE MORIÁ

“Respondeu Abraão: Deus proverá para Si, meu filho, o cordeiro para o holocausto; e seguiam ambos juntos.” Gênesis 22:8.

O Monte Moriá foi o lugar que Deus ordenou Abraão sacrificar seu filho Isaque. Foi nesse monte que Abraão levantou um altar e ofereceu seu filho ao Senhor. Foi em Moriá que Abraão chamou a Deus de Jeová-Jiré ("Deus da provisão"). Nesse monte Deus providenciou um cordeiro substituto para ser sacrificado no lugar de Isaque. Nesse mesmo monte, mil anos depois, Salomão edificou o templo do Senhor. Tanto a oferta de Isaque como o templo eram símbolos de Cristo. Jesus foi o Cordeiro substituto que morreu por nós. Jesus é Deus vestido de pele humana. É Deus entre nós, em nós e por nós.

NEle reside toda a plenitude da Divindade. Ele é o centro da nossa fé, o alvo do nosso amor e a base da nossa esperança. Para Ele apontavam todas as cerimônias e sacrifícios do templo. Ele é maior do que o templo. Ele é o cumprimento de todas as esperanças do Seu povo. Aquilo que era apenas sombra no passado, tornou-se realidade plena em Jesus. Quando adentrarmos pelos portais da Cidade Santa, a Nova Jerusalém, Jesus será nosso santuário, pois viveremos nEle pelos séculos dos séculos.

Oremos
Pai, a Bíblia diz que Jesus é o único nome pelo qual importa que sejamos salvos. E que fora dEle não há salvação. Por isso, neste momento, confesso minha fé nesse Nome de poder. Em nome dEle, amém.

Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT