O QUE É AVIVAMENTO?

“Porque desde a antiguidade não se ouviu, nem com ouvidos se percebeu, nem com os olhos se viu um Deus além de Ti que trabalha para aquele que nEle espera.” 
Isaías 64:4.

É obra exclusiva e soberana de Deus. Portanto, a Igreja não pode gerar o avivamento. Ela não pode produzir o avivamento. Ela não pode agendar o avivamento.

O avivamento não é produzido na Terra, mas no Céu. Ele não vem pela ação da Igreja, mas pela determinação soberana de Deus.

O avivamento trata seriamente a questão do pecado. Ele começa com a insatisfação, com a consciência do vazio, com o convencimento do pecado, com o quebrantamento, a humilhação diante de Deus, o choro e o arrependimento.

O avivamento trata de forma apaixonada e urgente a evangelização.

Avivamento restaura a vida, a unção, o poder e a autoridade da Igreja diante do mundo. A Igreja deixa de ser cauda para ser cabeça, deixa de ser omissa e acovardada para ser um corpo vivo de reformadores que influenciam decisivamente na educação, trabalho, cultura, arte, música, enfim, na vida global do homem, levando-o a conhecer Jesus como Salvador e Senhor.

Ore
Creio que só Tu podes dar a vida, Senhor. Por isso, clamo a Ti neste momento em submissão à Tua vontade: manda chuvas vivificadoras caírem sobre o Teu povo. Por Jesus. Amém.

Pense
A igreja é o fermento que leveda a massa: a sociedade, o mundo.
 

Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT