SEJA UM ENCORAJADOR

“(...) pelo contrário, exortai-vos mutuamente cada dia, durante o tempo que se chama Hoje, a fim de que nenhum de vós seja endurecido pelo engano do pecado.” Hebreus 3:13.

Quem deve realizar o trabalho de encorajamento? Será que todos estão aptos ou apenas os especialistas? A Bíblia diz que Deus nos conforta nas tribulações para podermos consolar outros (2 Co 1:3-4). Toda pessoa que recebe o conforto de Deus está apta para consolar. Por si mesmo ninguém pode consolar outro, mas pela graça de Deus o cristão é um veículo da consolação divina. “As riquezas do Espírito não são para serem guardadas para nós mesmos, mas sempre que alguém as recebe deve também passá-las a outrem.” (João Calvino).

Encorajar é um mandamento coletivo e mútuo. Todos os crentes têm o dever de encorajar uns aos outros, a cada dia. Temos a ordem divina de animarmos uns aos outros. Não se trata de opção, mas de dever cristão. Todo cristão deve ser um encorajador. Encorajar é dom do Espírito Santo. “Ou o que exorta faça-o com dedicação” (Rm 12:8). Há cristãos que recebem do Espírito Santo o dom de encorajar. O dom é capacitação espiritual para ser usada na edificação da Igreja. Um grande exemplo bíblico é Barnabé, “filho de exortação” (At 4:36-37).

Oremos
Altíssimo Deus, usa-me na vida de outras pessoas a fim de que eu seja instrumento de edificação e encorajamento àqueles que necessitam de vigor para caminhar. Em nome de Jesus, amém.

Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT