O SOCORRO DE DEUS

“Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal nenhum, porque Tu estás comigo (...)” Salmos 23:4.

Naum diz que o socorro divino é a âncora da nossa paz. Deus caminha conosco pelas ondas revoltas. Ele inspira canções de louvor nas noites escuras e coloca em nossos lábios cânticos de vitória, mesmo quando nossas lágrimas rolam... Ele é nosso refúgio, nosso Amigo mais achegado, nosso abrigo no temporal. 


Nem sempre nos livra da angústia, mas sempre é fortaleza no dia da angústia. Nem sempre nos livra do fogo ardente das provas, mas sempre nos livra nas provas. O fogo só pode queimar as amarras, mas não pode tostar um fio de cabelo nosso. 

Nem sempre Deus nos livrará da morte, mas nos levará a salvo para o Seu Reino Celestial. O futuro é incerto para nós; jamais, porém, o será para Deus. Caminhamos transformados de glória em glória até a Cidade Santa. 

Enquanto cruzamos o vale da sombra da morte aqui, temos dois amigos inseparáveis: bondade e misericórdia. Mas ao fim da jornada, habitaremos na Casa do Senhor para todo o sempre.

Oremos
Senhor, Tu nunca falhaste e nunca falharás! Portanto, ainda que as portas se fechem diante de mim, vou continuar caminhando confiante em Teu socorro sempre presente. Em nome de Jesus, amém.

Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

O CRENTE E O CARNAVAL