UM PAI QUE ORA PELOS FILHOS

“Decorrido o turno de dias de seus banquetes, chamava Jó a seus filhos e os santificava (...)” Jó 1:5.

Jó era o homem mais rico do Oriente. Tinha uma agenda muito disputada, mas encontrava tempo para orar pelos filhos. Seus dez filhos eram alvo de suas orações... Jó sabia que sucesso financeiro sem vida com Deus é fracasso. Jó entendia que riquezas terrenas sem salvação são pobreza. O bilionário John Rockfeller, disse que o homem mais pobre que ele conhecia era o indivíduo que só tinha dinheiro. Os filhos de Jó eram ricos, mas isso não era tudo. Eles precisavam da graça de Deus.

Ainda hoje nós precisamos de pais que encontrem tempo para orar pelos filhos. Pais convertidos aos filhos, que não os provoquem à ira nem os deixem desanimados. Pais que criem seus filhos na disciplina e admoestação do Senhor. Precisamos de pais que ensinem os filhos NO caminho e não apenas o caminho, que amem a Deus e inculquem as verdades eternas na mente dos filhos. Precisamos de pais reparadores de brechas, intercessores fervorosos e que não abram mão de seus filhos. Precisamos de pais parecidos com Jó.

Oremos
Deus soberano, peço perdão pelo meu desinteresse na vida espiritual de minha família. Preciso ensinar mais meus filhos a Te amarem sobre todas as outras coisas. Em nome de Jesus, amém. 


Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT