A HUMILHAÇÃO E A EXALTAÇÃO DO FILHO DE DEUS - PARTE 2

Por: Rev. Paulo Sergio da Silva
3ª IPB de Barretos / SP
Culto Vespertino 02.01.11


TEXTO BÁSICO

FILIPENSES 2:1-11 
9  Por isso, também Deus o exaltou soberanamente, e lhe deu um nome que é sobre todo o nome;
10  Para que ao nome de Jesus se dobre todo o joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da terra,
11  E toda a língua confesse que Jesus Cristo é o SENHOR, para glória de Deus Pai.
 


INTRODUÇÃO 
Como você está iniciando 2011, alegre ou triste? Se a sua alegria vem do Senhor então ela resistirá a todas as intempéries da vida. Filipenses é a chamada “carta da alegria” porque o apóstolo inspirado repete algumas vezes que aqueles irmãos deveriam alegrar-se em Cristo (Fp 2:18; 3:1 e 4:4). Não havia (e não há) mais motivos para pranto, Cristo já houvera ressuscitado. A alegria do crente está do no fato de que ele tem esperança. A nossa esperança não reside em coisas, pessoas ou bens desse mundo. A nossa esperança, fonte da nossa alegria, está em Jesus Cristo vivo, ressuscitado, glorificado e exaltado pelo Pai Celestial. É sobre Ele e a acerca da Sua glorificação e exaltação que iremos refletir nessa noite.

EXPLICAÇÃO 

Na primeira mensagem dessa série, falamos acerca da humilhação de Cristo, que em Sua vinda tomou a forma de homem, conforme os vs. 6-8. Hoje daremos continuidade falando também da Sua exaltação e glorificação. Há menos de duas semanas celebramos o Natal e a encarnação de Cristo, Sua vinda humilde, encarnado, nascido de mulher, nascido sob a Lei. Ele submeteu-se à vontade de Deus e cumpriu perfeitamente a Sua vontade. Por isso Deus o exaltou!

Vimos que essa passagem sobre a humanidade de Jesus é o ponto alto da epístola, porque nesses poucos versículos Paulo comunica a sua concepção da singularidade da pessoa e da obra de Jesus Cristo, e transmite que a disposição e a índole dos membros da Igreja, deveriam ser sempre aquelas demonstradas pelo Senhor Jesus. (ABA). Nessa segunda parte veremos acerca da majestosa glorificação do Senhor, e refletiremos sobre qual lugar Ele tem ocupado em nossas vidas, ou seja, se o Pai O glorificou e O exaltou, como podemos nós não fazê-lo? Somos nós melhore sou maiores do que Deus?

ARGUMENTAÇÃO 

Assim como no primeiro sermão dessa série vimos que a humilhação de Cristo é retratada nesse texto em sete aspectos, a Sua glorificação também nos é aqui apresentada em sete aspectos.

1 – PELO QUE TAMBÉM DEUS O EXALTOU SOBREMANEIRA (vs.9) 

Deus exaltou Jesus, Deus colocou Jesus em um lugar excelente, inigualável, supremo, superior, acima de tudo e de todos, Deus exaltou Jesus sobremaneira. A expressão “pelo que” nos leva a entender que Deus fez isso devido ao fato dEle ter se humilhado ao extremo. Deus resiste aos soberbos, mas aos humildes concede a Sua graça (Tg 4:6). Isso já nos ensina que se formos humildes perante o Senhor Ele também nos abençoará.
Mas Deus O exaltou sobremaneira, e é isso que agora será descrito em detalhes. Como Deus exaltou a Cristo.

2 – LHE DEU O NOME QUE ESTÁ ACIMA DE TODO NOME (9) 

Na Bíblia o nome de uma pessoa está relacionado diretamente com quem é essa pessoa, sua índole, sua história, seu caráter. O nome JESUS CRISTO significa “SALVADOR UNGIDO”. Ungido porque Ele é o Messias, o Ungido de Deus. Deus tratou de exaltar o Senhor Jesus dando-Lhe esse nome que é acima de todo nome. O nome de Jesus está acima do nosso próprio nome, está acima de todos os nomes de todas as autoridades desse mundo, está acima do nome do pastor da Igreja, está acima do nome da Igreja, o Seu nome está acima de todo nome. O que isso significa? Que Ele tem a primazia, o lugar de direito dEle é o PRIMEIRO LUGAR EM TUDO! Sejamos submissos a este nome! Antes de qualquer decisão, antes de agirmos, antes de fazermos, ouçamos o que Ele tem a dizer. Nos momentos de dúvida e incerteza, supliquemos a este nome, clamemos a este nome. Questionemos se o que temos feito, praticado, decidido é em nosso nome ou em nome dEle. Em nossas casas, em nossas finanças, em nossos momentos de alegria e descontração, será que podemos dizer que estamos vivendo sob o poder desse nome que é maravilhoso?


Nesse ponto o texto nos fala sobre o dobrar dos joelhos em sinal de adoração e reconhecimento da divindade de Jesus e de Sua vitória sobre a morte, provando que Ele é o Senhor. Este texto está em consonância com Rm 14:11 que diz:
“Por minha vida, diz o Senhor, diante de Mim se dobrará todo joelho, e toda língua dará louvores a Deus.”

Existem duas interpretações para esses versículos. A primeira é que acerca da soberania do Senhor que Ele tem em todos os lugares. A outra interpretação trata de três níveis ou lugares onde o Senhor Jesus será reconhecido como Senhor e todo joelho diante dEle se dobrará. Nesse segunda interpretação esse reconhecimento se dará no futuro quando Ele vier em Sua glória para julgar toda a Terra. Naquele dia, todo joelho se dobrará diante dEle, queiram ou não, todos irão se dobrar. Homens, anjos e demônios, todos se curvarão e prestarão culto ao Senhor e O adorarão.

3 – AO NOME DE JESUS SE DOBRE TODO JOELHO NOS CÉUS (10) 

Nos Céus os anjos e os crentes O adoram desde já. Ali não há resistência em reconhecer o Seu senhorio e a Sua grandeza. Pelo contrário, ali há prazer e satisfação em dobrar-se diante dEle. O Senhor Jesus é eternamente exaltado nos Céus. Não temos condições de saber exatamente como é lá no Céu, ainda que ao lermos os textos sagrados imaginamos com as nossas limitações a glória que ali existe. Em 1 Coríntios 2:9 própria Bíblia nos diz que
“Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais penetrou em coração humano o que Deus tem preparado para aqueles que o amam.”

Que maravilhosa esperança temos, de um dia podermos nos dobrarmos de joelhos diante da Sua glória e majestade. “Aguardamos ansiosos esse dia Senhor!”


4 – AO NOME DE JESUS SE DOBRE TODO JOELHO NA TERRA (10) 

Na Terra todos os homens se prostrarão diante dEle. Até mesmo os que não crêem nEle, os que o odeiam, os que zombam e escarnecem dEle, todos se dobrarão um dia. Nós que aqui estamos e cremos nEle desde já dobramos nossos joelhos sem problema algum, porém muitos habitantes da Terra não O reconhecem como Senhor, não O adoram e nem se dobram diante dEle. Mas naquele dia, todos os joelhos na Terra se dobrarão. O convite que temos a fazer é que se alguém ainda não reconhece o Senhorio de Cristo em sua vida, que o faça urgentemente, que se dobre, se curve diante dEle e O adore, que receba a Sua salvação e seja salvo por Ele, e um dia todos juntos O glorificaremos e nos gloriaremos nEle nos Céus!

5 – AO NOME DE JESUS SE DOBRE TODO JOELHO NO INFERNO (10) 

Esse é o significado de “debaixo da terra”. Não está tratando aqui da sepultura porque ali ninguém louva a Deus, mas está falando do lugar onde o diabo e os demônios estão. Havia a idéia (e ainda há em alguns contextos) de que o inferno estivesse localizado nas regiões abissais, nos abismos e profundezas da Terra. Não sabemos exatamente onde está localizado este lugar, mas sabemos que ali também todos os joelhos se dobrarão. Sejam demônios, sejam pessoas que ali estão condenadas por toda eternidade, um dia todos se dobrarão e prestarão glórias ao Senhor. O próprio diabo, creio eu que muito a contragosto, terá que se dobrar e adorar o nome do Senhor Jesus.

6 – TODA LÍNGUA CONFESSE QUE JESUS CRISTO É SENHOR (11) 

Toda língua confessará que Ele é o Senhor. Este é o sexto aspecto da exaltação de Cristo. Todos os joelhos estarão dobrados naquele dia. Anjos, homens salvos e não salvos, e até os demônios, todos terão que se dobrar diante dEle. E não é só isso, mas todas as línguas estarão exaltando-O, reconhecendo e confessando que Ele é o Senhor. Como é maravilhoso confessarmos o Senhorio de Cristo em nossas vidas. Mas devemos confessa-Lo não só com a nossa boca, mas também com a nossa vida. O nosso modo de viver deve refletir essa nossa confissão. Se apenas falarmos e não vivermos, estamos enganando a quem?

7 – PARA A GLÓRIA DE DEUS PAI (12) 

A glorificação e exaltação de Cristo glorifica o próprio Pai Celestial. Existe um grande mistério na Trindade que homem algum consegue entender ou explicar perfeitamente. Quando Jesus se humilhou a Bíblia diz que Deus estava se humilhando. E aqui, quando Jesus é glorificado e exaltado, a Bíblia nos leva a entender que essa glorificação é para Deus Pai. A glorificação e exaltação de Cristo, o Deus Filho, coloca-O no nível de divindade nada inferior que ao Pai ou ao Espírito Santo. Quando aqui esteve Ele disse que Ele e o Pai são um, e que quem O vê, vê o Pai (Jo 10:30;17:11). Ele que havia deixado a Sua glória e se esvaziado ao se encarnar (Fp 4:7), recebeu novamente a glória que Ele tinha no Céu, antes da Sua humilhação, e glorificado está para todo o sempre.

CONCLUSÃO 

Hoje já estamos em um novo ano, graças a Deus. A pergunta que eu te faço nesse primeiro culto do ano, é se Cristo está de fato sendo glorificado e exaltado em três áreas básicas de sua existência: vida pessoal, familiar e eclesiástica.

Que lugar Jesus tem ocupado em sua vida? Se o Pai, em Sua justiça e santidade, o exaltou e deu a Ele esse lugar tão proeminente, como podemos não fazer o mesmo? Como poderíamos não dar a Ele o primeiro lugar em tudo? Deixemos de lado a nossa soberba, nossa infantilidade, e comecemos hoje, no primeiro domingo do ano, a dar ao Senhor Jesus o lugar que Ele tem por direito.

Como é bom dizer que Ele é Senhor! Mas muitos não fazem isso de bom coração, outros sequer crêem nEle. Quantos parentes e amigos nossos ainda não experimentaram desse prazer que é adorar ao Senhor. Vamos falar mais do Senhor para as pessoas. Quantos estão em sua volta e você jamais fala do amor de Cristo para Eles? Saiba que você vai prestar contas a Deus um dia por essas almas que você não amou. Mas se você tomar uma atitude, e começar a falar do amor de Deus por essas vidas, você estará confessando que Cristo é o seu Senhor, para a glória de Deus pai. E naquele dia, queiram ou não, eles confessarão. Infelizmente naquele dia não haverá mais possibilidade de salvação, naquele dia o Senhor Jesus virá buscar a Sua Igreja, cheio de glória e majestade, e todo olho O verá. Hoje é o dia oportuno, hoje é o dia da salvação.

Receba hoje a salvação que Cristo te oferece de graça. Acredite nEle e Ele te salvará, assim como fez na minha vida e na vida de tantos que aqui estão, que um dia, quando ainda não O adoravam, ainda não O confessavam como Senhor, ainda não acreditavam nEle, um dia O receberam e foram salvos. Você pode ser salvo! Você pode sair daqui transformado, basta crer e entregar-se ao Senhor Jesus, em arrependimento de seus pecados. A promessa dEle é que jamais Ele te rejeitará, se você for a Ele, e de todo o seu coração confessá-Lo como seu Salvador e Senhor.

Que Deus te abençoe!

SOLI DEO GLORIA!!!


Material de apoio:
ABA - A Bíblia Anotada

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT