A ESPERANÇA VOLTOU, "NÃO TEMAS, CRÊ SOMENTE!"


MARCOS 5:21-24, 35-43

“Mas Jesus, sem acudir a tais palavras, disse ao chefe da sinagoga: Não temas, crê somente.” Marcos 5:36.


Existe uma expectativa entre o momento em que nos propomos a orar por algo, e o tempo da resposta de Deus. Acrescente-se o modo como Ele vai agir, dentro de Sua soberania, que muitas vezes nos surpreende, e isso é muito bom!

Esse é o tempo entre o pedido e a resposta.

1 – A necessidade faz-nos quebrantar diante de Deus (22-23)
Jairo demonstrou que cria em Deus, por isso se aproximou de Jesus, se prostrou e suplicou (22). Ele que era um dos principais da sinagoga conhecia muito bem toda oposição que se levantava contra Jesus, e mesmo assim se expôs, quebrantando-se diante de Jesus. Jairo orou de um modo peculiar:

•    Prostou-se aos pés de Jesus
•    Insistentetemente pediu
•    Suplicou por Sua intervenção.

2 – Sempre seremos provados, “não tem mais jeito” (35)
Não se pode exagerar, mas parece que o próprio inimigo usa certas circunstâncias para tentar nos desanimar. Os fatos já demonstravam que humanamente não havia mais o que fazer, mas note que além de informarem, ainda o repreenderam por insistir com Jesus.

3 – “Não temas, crê somente!” (36)
Jesus sabendo de todo aquele quadro, foi enfático em Suas palavras. Jairo devia vencer o medo, pois esse poderia mortificar a sua fé. Não era para ele se deixar levar pelas informações que acabavam de chegar, mas somente crer, permanecendo em sua fé.

Conclusão

Disseram para nós um dia que não precisávamos orar tanto, que Deus em Sua soberania já sabe tudo, então não precisaríamos ficar “orando tanto assim não”. E olhe que a gente nem orava direito. Fato é que as pessoas em geral gastam horas na televisão, horas na internet e horas no celular, mas para orar dizem que não há tempo. Nos disseram que não possuímos qualificações para isso, que por sermos ocidentais, devido à nossa cultura e formação, não temos condições de orar um pouco mais, e que os orientais é que passam mais tempo orando por causa dos costumes deles. Também nos disseram que orar muito pode confundir a mente da pessoa conduzindo-a ao fanatismo, pentecostalismo, etc. Por isso muitos não sabem o que é ter uma vida equilibrada de oração, conforme Mateus 6:6. A leniência conduz à procrastinação, incredulidade e ao abandono de uma vida espiritual. Jesus, nosso Mestre amado, passava longas horas em oração, noites inteiras, e período longos de oração e jejum. Assim também o Apóstolos se dedicavam à oração e à Palavra (At 6:4), e o Apóstolo Paulo diz que devemos orar sem cessar (1 Ts 5:17). Orar é passar tempo com o Pai, em atitude de entrega e busca de Sua presença. Procure separar um tempo de qualidade, especial e prazeroso diariamente, para estar a sós com o Pai Celestial.

No percurso entre a oração e a resposta de Deus, precisamos vencer o medo, a ansiedade, a insegurança e a incerteza, precisamos aprender a ser persistentes, na oração perseverantes (Rm 12:12; Cl 4:2). Somente creia em Deus, aconteça o que acontecer, creia em Seu amor, misericórdia, bondade e soberania. Deus sempre tem um plano, nos ama, cuida de nós e está sempre perto de nós. Deus está no controle de tudo e Ele sabe o que faz.

Não duvide, creia somente! Não questione, creia somente! Não murmure, creia somente! Não reclame, creia somente! Não temas, somente creia!


Pr. Paulo Sergio Visotcky da Silva
IPA culto lares, 10/03/17.
Soli Deo Gloria!!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PASTORES VOADORES

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT