O SENHOR CORRIGE A QUEM ELE AMA!


IPB Vila Gerti, S.C.Sul / SP
Pastoral Boletim 03.03.13

“Porque o Senhor corrige a quem ama e açoita a todo filho a quem recebe.” Hebreus 12:6. 

O excesso de disciplina mata, mas a ausência dela deixa morrer. Disciplina não é um ato de ódio; pelo contrário, é uma lição e demonstração de amor. “O que retém a vara aborrece a seu filho, mas o que o ama, cedo, o disciplina” (Pv 13:24). Quem não disciplina não ama. Quem ama disciplina. E “quem ama a disciplina ama o conhecimento” (Pv 12:1). Assim como Deus disciplina Seus próprios filhos espirituais, Ele também quer que os pais aqui na Terra disciplinem seus próprios filhos. Embora as medidas de Deus contra a teimosia, rebelião e desobediência de Seu povo sejam extremamente enérgicas e duras, Ele limitou as ações enérgicas dos pais à utilização da vara em casos de necessidade.

Deus disciplina porque Ele não quer ser mero espectador da sua morte. Assim também acontece em casa, no ambiente escolar e até na Igreja. As autoridades que Deus constituiu sobre a sua vida receberam dEle a função de agentes disciplinadores, e se eles não agirem, Deus os punirá. A Bíblia nos fala de um homem que não soube disciplinar, pois apenas falava. Eli tinha um grande problema em sua família e no sacerdócio do Templo: seus próprios filhos. Por não tomar medidas concretas para deter o pecado e o mau testemunho de Hofni e Finéias, Eli trouxe a maldição de Deus sobre sua própria vida e sobre o povo de Deus. Seus filhos foram condenados por Deus, a Arca da Aliança foi roubada, Eli morreu em uma queda, e Deus retirou o ofício sacerdotal de sobre a sua casa para todo o sempre (1 Sm 2).

O problema é que nem todos se sujeitam à disciplina. Se, hoje, você é passível de disciplina, submeta-se a ela. Entenda que é mandamento do Senhor para o seu bem estar espiritual. Aproveite essa oportunidade para reavaliar a sua vida, rever os seus valores, reconstruir o que o pecado destruiu. Abra mão de seu senso de justiça própria, de seu orgulho ou de seu desejo por vingança. Arranque do seu coração toda a raiz de amargura. Aprenda com a disciplina, pois assim haverá esperança de cura para você.

No Novo Testamento, o Senhor Jesus Se utiliza repreende a desobediência das Igrejas que toleravam o pecado. Uma das Igrejas recebeu a seguinte censura do Senhor:

“No entanto, contra você tenho isto: você tolera Jezabel, aquela mulher que se diz profetisa. Com os seus ensinos, ela induz os meus servos à imoralidade sexual e a comerem alimentos sacrificados aos ídolos. Dei-lhe tempo para que se arrependesse da sua imoralidade sexual, mas ela não quer se arrepender. Por isso, vou fazê-la adoecer e trarei grande sofrimento aos que cometem adultério com ela, a não ser que se arrependam das obras que ela pratica. Matarei os filhos dessa mulher. Então, todas as Igrejas saberão que Eu Sou aquEle que sonda mentes e corações, e retribuirei a cada um de vocês de acordo com as suas obras.” (Apocalipse 2:20-23 NVI).

Deus nos livre de provocar a Sua ira. Que Ele nos conduza, e que sejamos ensináveis.

“Santo Deus, a Tua bondade Se manifesta a mim também através da correção. Quebranta-me, pois preciso aprender a me submeter à disciplina quando estou errado. Em nome de Jesus. Amém.”

Extraído e ampliado de: Cada Dia e Unigospel.


SOLI DEO GLORIA!!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT