BENÇÃOS QUE REQUEREM AÇÕES (2) A ETERNIDADE REQUER SANTIDADE


Por: Rev. Paulo Sergio da Silva
IPB de Vila Gerti, S.C.Sul / SP
Culto Vespertino 06.01.13


TEXTO BÁSICO 

EFÉSIOS 1:15-23
“18 iluminados os olhos do vosso coração, para saberdes qual é a esperança do Seu chamamento, qual a riqueza da glória da Sua herança nos santos, 19 e qual a suprema grandeza do Seu poder para com os que cremos, segundo a eficácia da força do Seu poder.” Efésios 1:18-19.


INTRODUÇÃO 

Alguém se aproxima de uma cachoeira, não precisa entrar na água para se molhar, mas simplesmente pelo fato de estar tão próximo da queda d’agua tem sua roupa, pele e cabelos cobertos por uma fina camada de água, proveniente daquela nuvem que se forma no local. Assim se compara alguém que está na Igreja, e sente-se abençoado pelo simples fato de estar na Igreja. Sente-se bem com a presença de Deus, o louvor e agradável e até a Palavra e a oração fazem bem à alma. Semelhante a alguém que molha-se com aquela fina nuvem de gotículas; mas se não passar pela água (batismo) não tem parte com Cristo, se não mergulhar no Rio de Águas Vivas (Jesus) não tem parte com Ele.

EXPLICAÇÃO 

Ao escrever essa Carta aos Efésios, Paulo fala das orações que fazia por eles (vs.16) pedindo a Deus a iluminação dos olhos do coração deles, os olhos espirituais, os olhos da alma. Isso se fazia necessário para que eles entendessem a grandeza e a profundidade das bênçãos que Deus lhes havia preparado.

No último domingo de dezembro iniciamos essa série de sermões em Efésios 1. Naquela primeira mensagem falamos da primeira bênção que aparece nesse texto – ESPERANÇA – e a ação que se faz necessária para o seu recebimento e manutenção em nossa vida – FÉ.

Prosseguindo, veremos hoje uma segunda bênção e uma segunda ação.

BENÇÃO – UMA HERANÇA GLORIOSA
“qual a riqueza da glória da sua herança nos santos” vs. 18


A Bíblia revela que o crente tem uma herança eterna no Céu. Nós temos uma herança gloriosa, que a traça e a ferrugem não corroem, os ladrões não escavam e não roubam (Mt 6:20). Precisamos ter consciência da realidade dessa herança que o Senhor aqui nos revela. Precisamos valorizar tal verdade mais que o ouro, prata, jóias, bens e riquezas desse mundo. Que esforço qualquer um de nós faria para receber uma herança deste mundo? E porque nos esforçamos tão pouco para nos apropriar daquela herança celestial? Eis a razão porque Paulo tanto orava e intercedia pelos efésios. Certamente isso se aplica a todos nós, povo de Deus, pois se desviarmos os nossos olhos do Senhor e passarmos a olhar e contemplar as coisas deste mundo, certamente começaremos a menosprezar a nossa herança.

“olhando firmemente para o Autor e Consumador da fé, Jesus, o qual, em troca da alegria que lhe estava proposta, suportou a cruz, não fazendo caso da ignomínia, e está assentado à destra do trono de Deus.”  Hebreus 12:2.

Espiritualidade x materialismo; herança do Céu x herança do mundo
É assim que há tantos crentes materialistas, invejosos, arrogantes, avarentos, escravizados pelo que possuem e tantos outros igualmente escravizados pelo desejo de possuírem. A questão é: são crentes de fato os que assim vivem? Deus é quem sabem, cada um julgue a si mesmo! Mas fatos são fatos.

“Pelos seus frutos os conhecereis. Colhem-se, porventura, uvas dos espinheiros ou figos dos abrolhos? Assim, pois, pelos seus frutos os conhecereis.”  Mateus 7.16,20.

“Não ameis o mundo nem as coisas que há no mundo. Se alguém amar o mundo, o amor do Pai não está nele;”  1 João 2:15.
“Tendo, porém, o jovem ouvido esta palavra, retirou-se triste, por ser dono de muitas propriedades.”  Mateus 19:21-26.
Na Primeira Carta de Pedro encontramos alguns adjetivos da nossa herança gloriosa.

“para uma herança incorruptível, sem mácula, imarcescível, reservada nos céus para vós outros”  1 Pedro 1:4.

Se por um lado sabemos que a nossa herança é celestial, por outro temos o dever de buscar um futuro melhor para nós e nossos filhos. O contrário disso é comodismo e preguiça, tão comum hoje em dia. Num mundo de oportunidades e competitividade, o cristão deve esforçar-se por ser o melhor em tudo que faz, sabendo que assim estará glorificando o nome de Deus.

Incorruptível - lá não existe corrosão, ferrugem, doença. (Mt 6:19,20).
Imaculada - incontaminável, lá não existe mácula, malícia, pecado, maldade. (Mc 10:14,15).
Imarcescível - que não pode murchar, não envelhece, não perde o seu valor com o tempo. Diferentemente da vida aqui na Terra, lá no Céu não existe tempo, lá é um lugar “a-temporal”, lá vive-se a dimensão da eternidade e por isso lá as coisas não envelhecem.

O servo de Deus mais humilde é rico em Deus, porque tem uma herança tão gloriosa guardada no Céu, pelo próprio Deus, para todo aquele que nEle crê.
O apóstolo Paulo, aprisionado pela segunda vez, escreveu a seu filho na fé, Timóteo, acerca da fé e da esperança que ele tinha, na sua herança.

“e, por isso, estou sofrendo estas coisas; todavia, não me envergonho, porque sei em quem tenho crido e estou certo de que Ele é poderoso para guardar o meu depósito até aquele Dia.”  2 Timóteo 1:12.

AÇÃO – SANTIDADE

Há uma associação direta entre a herança de Deus para o seu povo, e o fato do povo de Deus ser um povo santo. O texto de Ef 1:18 nos fala acerca da

“riqueza da glória da sua herança nos santos”, e isso é muito significativo. Comparando Ef 1:18 com outros textos bíblicos, vejamos:

Atos 20.32   Agora, pois, encomendo-vos ao Senhor e à palavra da sua graça, que tem poder para vos edificar e dar herança entre todos os que são santificados.
Atos 26.18   para lhes abrires os olhos e os converteres das trevas para a luz e da potestade de Satanás para Deus, a fim de que recebam eles remissão de pecados e herança entre os que são santificados pela fé em mim.

1 Coríntios 6.9   Ou não sabeis que os injustos não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis: nem impuros, nem idólatras, nem adúlteros, nem efeminados, nem sodomitas, 6.10   nem ladrões, nem avarentos, nem bêbados, nem maldizentes, nem roubadores herdarão o reino de Deus.

Efésios 5:1-5
1   Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados;
2   e andai em amor, como também Cristo nos amou e se entregou a si mesmo por nós, como oferta e sacrifício a Deus, em aroma suave.
3   Mas a impudicícia e toda sorte de impurezas ou cobiça nem sequer se nomeiem entre vós, como convém a santos;
4   nem conversação torpe, nem palavras vãs ou chocarrices, coisas essas inconvenientes; antes, pelo contrário, ações de graças.
5   Sabei, pois, isto: nenhum incontinente, ou impuro, ou avarento, que é idólatra, tem herança no reino de Cristo e de Deus.

Colossenses 1.12   dando graças ao Pai, que vos fez idôneos à parte que vos cabe da herança dos santos na luz.

1 Pedro 1.3   Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que, segundo a sua muita misericórdia, nos regenerou para uma viva esperança, mediante a ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos,
1.4   para uma herança incorruptível, sem mácula, imarcescível, reservada nos céus para vós outros
1.5   que sois guardados pelo poder de Deus, mediante a fé, para a salvação preparada para revelar-se no último tempo.

Fica muito clara essa conotação entre ser herdeiro e viver como herdeiro, em santificação, dando testemunho de sua salvação, esperança, fé e herança. Sem santificação ninguém entrará no Céu.

“Segui a paz com todos e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor,”  Hebreus 12:14.

Isso nos remete à terceira benção relatada por Paulo, pois sem o poder de Deus é impossível haver santificação.

CONCLUSÃO
Seria possível alguém confundir uma nota de R$ 2,00 com uma nota de R$ 100,00? SIM!!! Isso já aconteceu comigo! Certa vez uma balconista deu-me cem reais quando o meu troco era dois. Ao mostrar-lhe que havia se enganado, a mesma quase enfartou (rsss).

Vivemos um tempo de muito esfriamento espiritual, descrédito, falta de fé, mundanismo e desesperança. Tempos em que vemos tantos que (parece que) deixaram de crer na herança eterna, não fazem caso do Céu, e tem por desprezível a Igreja, o Espírito de Deus, e o Sangue de Jesus.

Parece que a oração de Paulo para que Deus abrisse os olhos espirituais dos efésios (Ef 1:18a) continua sendo necessária para os nossos dias. Assim como é possível que alguém confunda duas notas tão diferentes, também é perfeitamente possível que filhos de Deus se confundam quando se trata da herança celestial, desvalorizando a mesma. Tratando-a como se a mesma não tivesse o seu valor inestimável, e vivendo como se a vida cristã fosse algo banal, sem graça e sem valor, monótono e até repugnante. Não foi para isso que Cristo nos salvou!

Que nesses tempos de esfriamento, busquemos viver na dimensão da nossa herança, com coração puro e cheio de fé, nos dispondo à prática da santidade de modo que tenhamos sempre uma perspectiva positiva, sem jamais duvidar ou abrir mão dessa bênção tão maravilhosa que Cristo foi preparar para cada um de nós.



Leia também a primeira parte dessa séria: ESPERANÇA E FÉ DE MÃOS DADAS.

SOLI DEO GLORIA!!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT