VENCENDO AS BATALHAS ESPIRITUAIS - PARTE 1

Por: Rev. Paulo Sergio da Silva
IPB de Vila Gerti - S.C.Sul / SP
Estudo Bíblico 18.07.12

EBD 05.08.12

“Quanto ao mais, sede fortalecidos no Senhor e na força do Seu poder. Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para poderdes ficar firmes contra as ciladas do diabo; porque a nossa luta não é contra o sangue e a carne, e sim contra os principados e potestades, contra os dominadores deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais do mal, nas regiões celestes.” Efésios 6:10-12.

Qual é a disposição mental, emocional e espiritual com que caminhamos? Muitos vivem como derrotados, outros são arrogantes em seu triunfalismo, mas qual é a posição correta? O que Deus quer para nós nesse âmbito? O texto acima é extremamente esclarecedor, pois nos afirma categoricamente que o diabo, nosso arqui-inimigo, preparará ciladas e emboscadas para tentar nos derrotar.

Deus quer que fiquemos firmes! Ele jamais planeja a queda, o pecado e a derrota. Apesar de que eventualmente poderemos perder algumas batalhas, a guerra já está ganha pelo Senhor Jesus Cristo, e o diabo é o derrotado. Precisamos então nos conscientizar de algumas coisas muito importantes para vencermos as batalhas.

1- O inimigo age organizadamente (vs.12). Ainda que ele não tenha capacidade de agir perfeitamente, ele também não está totalmente sem controle. Prova disso é o mundo de pecado do qual ele é príncipe (Jo 14:30). Ao entendermos como o tráfico, a prostituição, a mídia, os sistemas, as culturas, etc., são governados por ele, concordamos que ele age organizadamente. Essa é a ideia básica da expressão “principados e potestades”: um sistema hierárquico organizado. Veja a definição desses termos no Dicionário Michaelis.

Principado: 1 - Dignidade de príncipe ou princesa. 2 - Terra que confere o título de príncipe. 3 - Território ou Estado governado por um príncipe ou princesa. 4 - Dignidade imperial entre os romanos.
Potestade: 1 - Poder, potência, força. (...) 3 - Aquele que tem grande autoridade ou poder; potentado. 4 - Os anjos; potestades infernais: os demônios.

Jesus disse que o diabo é o príncipe deste mundo (João 14:30). A expressão "principados e potestades" a que Paulo se refere, é essa organização da maldade, formada pelos anjos decaídos, governados por satanás. Se, por um lado não devemos modo algum subestimar o poder destruidor do inimigo, por outro lado é um erro descomunal pensar e acreditar que ele tenha mais poder do que na verdade tem, como muitos fazem, vivendo um tipo de “paranóia evangélica demoníaca”, tão comum em nossos dias. Nossa força vem do Senhor, é o que Paulo vai dizer a seguir: “sede fortalecidos no Senhor e na força do Seu poder”.

2 - Nossa força vem do Senhor (vs.10). Não venceremos nada sozinhos, mas do Senhor vem a nossa força. O lobo não tem medo de ovelhas que berram sozinhas, mas ele treme de medo de Jesus, o Supremo Pastor da ovelhas. O reconhecimento de quem somos e Quem é o Senhor é essencial para obtermos vitória. A comunhão íntima, pessoal e relacional com Deus é o caminho. Se o inimigo puder nos afastar dessa comunhão com Deus, seu intento maligno estará em progresso. Mas se nos aproximarmos de Deus, mediante Sua graça, em fé e santo temor, ele será derrotado.

3 - A necessidade de se buscar o poder que vem de Deus (vs.10). É a força do poder do Senhor que nos fortalece. Não há outro meio de recebermos tal poder senão através de uma vida de:

•    Leitura e estudo da Bíblia - Mt 22:29; Rm 10:17; At 8:30.
•    Santificação - Hb 12:14; Lv 20:7; Js 3:5; 2 Co 6:17.
•    Oração - 1 Ts 5:17; At 10:9-10; Is 55:6; Am 5:4; 1 Cr 16:11; Sl 105:4; Jr 29:13; 33:3; Lc 6:12; At 12:4-17; 2:1-4; Ef 5:18-19.
•    Jejum - Mt 17:21; Mc 9:14-29; Dn 9:3 (vs.20 Daniel confessou o pecado do povo); Dn 10:1-15; Jl 2:12-18.

4 - O altar de Deus em nossos corações precisa ser restaurado (1 Co 3:16,19; 1 Rs 18:30-39). Assim como nos dias de Elias, é grande o número de crentes que têm o altar de Deus em ruínas nos seus corações. Resultado: adoração a baal (pecado, mundanismo), dominação satânica, vícios (internet, televisão, músicas mundanas, pornografia, mentira, inveja, cobiça, falsidade). Nessa guerra o inimigo tem conseguido esfriar muitos corações, enfraquecendo a obra de Deus. Precisamos reconhecer que já vivemos a apostasia dos últimos dias (1 Tm 4:1-2). Já não há mais espaço para a oração e leitura da Bíblia, só leem a Bíblia no domingo e olhe lá, pois muitos sequer carregam a Bíblia, vão para a Igreja como quem vai passear no parque. Jejum então? Quantos que nunca jejuaram, não choraram e nem se humilharam diante de Deus? Essa é a Igreja do século XXI, que passa por um grande esfriamento espiritual.

Mas anime-se, pois em Joel 2:28-32 Deus anuncia que concomitantemente à apostasia, ocorrerá um grande avivamento na Igreja. Você quer fazer parte dessa obra? Quer ser cheio do Espírito Santo e vencer todo poder do inimigo?

CONCLUSÃO
Vivemos dias difíceis, dias de muita luta por parte da Igreja, mas também de muita acomodação daqueles que ainda não se deram conta dessa guerra espiritual. O mundanismo tem invadido nossas fileiras e já são muitas as baixas. Precisamos fazer algo para deter o mal em nosso meio! Não nos acomodemos com a situação!

Se deixarmos que a preguiça, o pecado e o mundo tomem conta de nós, nos tornaremos fracos, frios na fé, e desanimados. Mas se nos erguermos no poder de Deus seremos fortalecidos e adestrados para a batalha. Saiamos do nosso comodismo, deixemos para trás as coisas do velho homem, restauremos nossa comunhão com o Senhor. Louvemos, adoremos, oremos, nos santifiquemos, SIRVAMOS o nosso Deus. É Ele quem nos guarda de todo poder do inimigo! Jamais falhou nem falhará!  Que cada um de nós, a partir de hoje, faça a sua parte em prol dessa obra. Deus te abençoe, em nome de Jesus!


Leia também: VENCENDO AS BATALHAS, e
VENCENDO AS BATALHAS ESPIRITUAIS - PARTE 2.

SOLI DEO GLORIA!!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

O CRENTE E O CARNAVAL