JUSTIFICAÇÃO, ATO DE DEUS

Sugestão de leitura
“Justificados, pois, mediante a fé, temos paz com Deus,
 por meio de nosso Senhor Jesus Cristo.”
 Romanos 5:1.

A justificação é um ato legal de Deus e não um processo experimental. É realizada no tribunal de Deus e não no nosso coração. É completa e final e não possui graus. O menor crente está tão justificado como o crente mais piedoso. Paulo nos ensina quatro verdades importantes sobre a justificação no versículo acima. 


Primeira - o Autor da justificação. É Deus Quem nos justifica e nos justifica não com base em nossos méritos, mas por causa dos méritos de Cristo.

Segunda - o instrumento da justificação. Somos justificados mediante a fé e não com base em nossas obras. Se a obra de Cristo é causa meritória, a fé é a causa instrumental da nossa justificação. 


Terceira - o fruto da justificação: temos paz com Deus. Somos reconciliados com Deus e renascemos para dentro da família de Deus. 

Quarta - o agente da justificação. Todas as essas bênçãos espirituais nos são concedidas por meio de nosso Senhor Jesus Cristo. Cristo é a nossa justiça. Ele é a nossa paz. NEle temos copiosa redenção.

Oremos
Deus, a confiança na justiça de Cristo como a base da minha justificação traz paz e consolo ao meu coração, pois a minha salvação não depende de mim, mas de Ti. Por isso Te louvo e te engrandeço. Em nome de Jesus, amém!

Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

JOSIAS, UM REFORMADOR EM SEU TEMPO