ESPIRITUALIDADE E ÉTICA

“E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente.” Romanos 12:2.

Assistimos e, muitas vezes, praticamos uma espiritualidade desassociada da ética. Os estudiosos da área dizem que, em breve, seremos uma nação evangélica. O que significa dizer que nosso problema não é a falta de religião evangélica, mas a sua super-oferta, que banaliza sua essência, seus valores, seus princípios, sua teologia e sua ética.

Por isso, seja qual for a tendência denominacional ou confessional, e mesmo nas Igrejas independentes, percebe-se a formação de uma massa evangélica sem forma e vazia, sem firmeza na Palavra, sem os valores éticos do Reino de Deus. A fé, em grande parte, tornou-se mais um produto a ser comercializado, consumido, buscando satisfazer sempre as necessidades do chamado "cliente gospel".

O papel da ética cristã, à luz da Palavra, não é a prática dos valores do mundo, mas questionar profeticamente o nosso tempo. A ética cristã carrega o desafio da interpelação à conversão, às mudanças nas estruturas políticas, sociais e culturais, através do poder do Evangelho salvador de Jesus Cristo.

Oremos
Pai, dá-me sabedoria para aplicar as verdades da Tua Palavra à minha realidade. Que eu saiba discernir o mundo pela direção do Teu Espírito através das Escrituras. Em nome de Jesus, amém.

Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PASTORES VOADORES

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT