BABEL E O DESAFIO DAS LÍNGUAS

“Assim nosso nome será famoso e não seremos espalhados pela face da Terra.” Gênesis 11:4.

Uma confusão de sons e vozes. Essa é a melhor definição para o termo Babel, que também tem seu sinônimo como Babilônia. Com o intuito de se tornarem famosos alguns homens decidiram construir uma cidade e uma torre imensa que, segundo eles, pudesse alcançar os céus. Por trás de tudo isso estava o desejo incontido de se colocarem no lugar de Deus e não permitir que fossem deslocados para outras regiões do mundo de então.

O que isso tem a ver com cada um de nós?
Comunicar-se numa língua que não seja a materna tem se tornado um dos maiores desafios para muitos de nós. Para isso demanda-se muito estudo e dedicação.

Para o Evangelho de Jesus Cristo ser conhecido em cada canto da Terra, temos o desafio de ultrapassar as barreiras linguísticas. Estudiosos afirmam que devem existir aproximadamente 7000 línguas vivas hoje. As cidades do mundo estão à espera de salvação, mas, como afirma Paulo, “como ouvirão, se não houver quem pregue?” E poderíamos acrescentar: e como conhecerão a Jesus se não ouvirem em suas próprias línguas?

Oremos
Querido Pai, busco a Tua presença para que o Senhor levante missionários ao redor do mundo para que possam levar a Tua salvação em todas as cidades do mundo. Em nome de Jesus, amém.

Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT