BABEL E O DESAFIO DAS LÍNGUAS

“Assim nosso nome será famoso e não seremos espalhados pela face da Terra.” Gênesis 11:4.

Uma confusão de sons e vozes. Essa é a melhor definição para o termo Babel, que também tem seu sinônimo como Babilônia. Com o intuito de se tornarem famosos alguns homens decidiram construir uma cidade e uma torre imensa que, segundo eles, pudesse alcançar os céus. Por trás de tudo isso estava o desejo incontido de se colocarem no lugar de Deus e não permitir que fossem deslocados para outras regiões do mundo de então.

O que isso tem a ver com cada um de nós?
Comunicar-se numa língua que não seja a materna tem se tornado um dos maiores desafios para muitos de nós. Para isso demanda-se muito estudo e dedicação.

Para o Evangelho de Jesus Cristo ser conhecido em cada canto da Terra, temos o desafio de ultrapassar as barreiras linguísticas. Estudiosos afirmam que devem existir aproximadamente 7000 línguas vivas hoje. As cidades do mundo estão à espera de salvação, mas, como afirma Paulo, “como ouvirão, se não houver quem pregue?” E poderíamos acrescentar: e como conhecerão a Jesus se não ouvirem em suas próprias línguas?

Oremos
Querido Pai, busco a Tua presença para que o Senhor levante missionários ao redor do mundo para que possam levar a Tua salvação em todas as cidades do mundo. Em nome de Jesus, amém.

Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PASTORES VOADORES

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT