ABENÇOADOS PARA ABENÇOAR (2)

Por: Missionários Jairo e Kenia

Todos as pessoas em todas as épocas, de uma ou de outra forma, querem ter uma melhor forma de vida, querem ter melhores condições na vida. Em outras palavras, querem prosperar, querem ser abençoados.


O problema de fundo é o motivo pelo qual quero ser abençoado, qual é a motivação dentro do meu coração? Que farei com as bençãos que Deus traz sobre a minha vida? Na hora de pedir bençãos, pedimos a Deus, mas na hora de utilizar consultamos nosso proprio coração deixando a Deus de lado?

No livro de Deuteronomio existem muitas exortaçães dadas por Deus ao povo hebreu sobre esta questão. Deus lhes prosperaria na nova terra que os estava entregando. E uma das exortações era justamente de não esquecer que Deus é Quem nos dá poder de fazer as riquezas. Todo o capitulo oito fala sobre este tema, mas os versículos 17 e 18 nos ensinam: 


"Não digam, pois, em seu coração: ‘A minha capacidade e a força das minhas mãos ajuntaram para mim toda esta riqueza’. Mas, lembrem-se do Senhor, o seu Deus, pois é Ele que lhes dá a capacidade de produzir riqueza, confirmando a aliança que jurou aos seus antepassados, conforme hoje se vê."

Uma boa pregunta é: por que Deus deu esta exortação, para que eles não pensassem assim em seus corações? "A minha capacidade e a força das minhas mãos ajuntaram para mim toda esta riqueza".


Uma primera resposta se pode dar pensando em uma historia que li em um livro de Edwin Louis Cole que é como segue: “Um homem que tinha conseguido acumular muita riqueza durante a sua vida e que vivia muito longe de Deus. Um dia faleceu e não tinha nenhum familiar para quem deixar toda a sua riqueza. Então no dia em que abriram o seu testamento estava escrito o seguinte: '(...) deixo tudo que tenho para o diabo'. O juiz da cidade ficou espantado com esta declaração, pois não existe nenhuma cidade no mundo que não tenha gente pobre, asilos, orfanatos, entre outros lugares que precisam de ajuda e de doações. E este homem deixa tudo para o diabo. Sendo o juiz uma pessoa íntegra, usou o dinheiro deste homem e mandou fazer um grande muro envolta de sua propriedade, sem nenhuma porta de entrada e mandou colocar tudo que ele tinha ali dentro (...)”. Parece que muitos estão buscando adquirir bens nessa vida, e a exemplo deste home entregam tudo ao diabo. Não desejam consagrar o que possuem a Deus como se Deus lhes fosse causar algum dano, ou prejuízo. Preferem usar seu carro, sua casa, seus bens em geral para agradar-se a si mesmos em seus pecados...


É certo que muitas pessoas estão pedindo para ser abençoadas, mas sem estar seguras do objetivo final. “Primeiro me dá, e logo vejo como eu uso”. A verdade é que se não sabemos abençoar com o que temos, se tivermos muito será ainda mas difícil, pois desejaremos obter coisas ainda maiores. Podemos ser enganados por este mundo que trata de nos fazer crer que valemos pelo que temos, ou que as coisas dão o significado ou sentido na nossa vida. 


O Salmo 67:1-2 é um salmo que nos inspira e nos dá uma direção bastante segura. “Que Deus tenha misericórdia de nós e nos abençoe, e faça resplandecer o seu rosto sobre nós, para que sejam conhecidos na Terra os Teus caminhos, a Tua salvaçao entre todas as nações."

As bênçãos de Deus sobre a nossa vida, sejam grandes ou pequenas, são para que possamos abençoar a outros, somos abençoados para abençoar. Nossa vida ganha cada vez maior significado quando estamos dispostos a abençoar a outras pessoas. John Wesley disse algo que creio ser uma excelente declaração sobre uma vida que busca abençoar a outros: “Faça todo o bem que você pode, a todas as pessoas que você pode, de todas as meneiras que você pode, por todo tempo que puder”. Esta declaração demonstra a diferença entre as pessoas que se propõem a dar uma ajuda, e aquelas que se comprometem a ser uma ajuda. Sabem que seu compromisso não é por um momento ou por uma circunstância específica.  Normalmente uma pessoa não se compromete por temor a que Deus não possa abençoá-la para cumprir com o que foi prometido, e por falta de fé ela tem medo de não conseguir cumprir com o seu compromisso. Outros se comprometem somente por um tempo enquando tenham algo seguro, um trabalho, um negócio, ou um prêmio, etc. Devemos ter a segurança que ainda que nos falte o trabalho ou que um negócio não saia como planejamos, se estamos comprometidos em abençoar a alguém e permanecemos fiel Deus, Ele nos dará a capacidade de fazer as riquezas, para que possamos cumprir com os nossos compromissos. Por isto não devemos nos esquecer de Deus e de nossos compromissos. "Se Deus é por nós e quem contra nós?" (Rm 8:31). "Mas, lembrem-se do Senhor, o seu Deus, pois é Ele que lhes dá a capacidade de produzir riqueza, confirmando a aliança que jurou aos seus antepassados, conforme hoje se vê."

Leia também ABENÇOADOS PARA ABENÇOAR.

Os Missionários Jairo e Kenia trabalham pela APMT no Peru.
Entre em contato pelo e-mail jairo-kenia@hotmail.com, e receba os boletins informativos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

O CRENTE E O CARNAVAL