VERDADE VIVE MAIS QUE A MENTIRA

“O lábio veraz permanece para sempre, mas a língua mentirosa, apenas um momento.” Provérbios 12:19.

Há um ditado popular que diz: “A mentira tem pernas curtas”. Para sustentar uma mentira, uma pessoa precisa ter boa memória, pois outras mentiras precisarão ser forjadas para não se cair em contradição. Conseqüentemente, a língua mentirosa não dura para sempre. Tem vida curta. A mentira não compensa, pois o pai da mentira é o diabo e os mentirosos não herdarão o Reino de Deus. A Palavra de Deus nos exorta a falar a verdade. Jesus diz que a nossa palavra deve ser: sim, sim; ou não, não; pois o que passar disso vem do maligno.

Uma pessoa mentirosa não tem credibilidade. Sua língua é como a escuridão, deixa as pessoas confusas e errantes. Mas, a verdade é luz que aponta o caminho. Quem anda na luz não tropeça. A verdade, mesmo quando amordaçada pela violência, acaba prevalecendo. A verdade, mesmo quando escamoteada nas ruas e oprimida nos tribunais, acaba triunfando. Neste caso é verdadeiro o adágio: “O tempo é o senhor da razão”. Ninguém pode contra a verdade, senão a favor da verdade. O lábio veraz permanece para sempre, mas a língua mentirosa será condenada.

Oremos
Pai, não há como esconder mentiras de Ti. Estou ciente do perigo que é apegar-se à mentira. Decido-me em romper com a falsidade e a abraçar uma vida de verdade. Em Cristo, amém.

Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT