VIVENDO COM SIMPLICIDADE

Por: Messias Anacleto Rosa
s

"SENHOR, o meu coração não se elevou nem os meus olhos se levantaram; não me exercito em grandes matérias, nem em coisas muito elevadas para mim." Salmos 131:1.

É uma pena que muitas pessoas não vivem dessa forma. São pessoas que apenas existem, vegetam, ocupam espaços, sobrevivem. Para estes a vida é um fardo, um peso, uma farsa, não vale a pena viver. “Saiba morrer, quem viver não soube”, foram as últimas palavras de alguém na hora da morte. Mas é possível viver de uma forma intensa, prazerosa, plena e feliz. Jesus nos garantiu isso: “O ladrão vem somente para roubar, matar e destruir; Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância”. João 10:10.

Certa ocasião, alguém fez a Jesus um pedido. “Mestre, ordena a meu irmão que reparta comigo a herança”. Lucas 12:13b. Jesus recomendou: “Guardai-vos de toda avareza; porque a vida de um homem não consiste na abundância dos bens que ele possui. E lhes proferiu ainda uma parábola dizendo: O campo de um homem rico produziu com abundância. E arrazoava consigo mesmo, dizendo: que farei, pois não tenho onde recolher os meus frutos? E disse: Farei isto: Destruirei os meus celeiros. Reconstrui-los-ei maiores e aí recolherei todo o meu produto e todos os meus bens. Então, direi à minha alma: tens em depósito muitos bens para muitos anos; descansa, come, bebe e regala-te. Mas Deus lhe disse: Louco, esta noite te pedirão a tua alma; e o que tens preparado, para quem será? Assim é o que entesoura para si mesmo e não é rico para com Deus”. Lucas 12:15-21. 


Somos uma sociedade consumista, sofremos de uma compulsão pelo ter. Os shoppings são mais freqüentados do que os templos. Os olhos de muitos brilham ao contemplarem as vitrines. Muitos guarda-roupas estão entulhados, com roupas e calçados que nunca serão usados, e nunca serão doados.

Que pena! Jesus tinha um modelo de vida bastante simples: para pregar usava um barquinho emprestado; para entrar em Jerusalém pediu um jumentinho emprestado; Sua mesmo foi somente a rude Cruz. 


“Mas Jesus lhe respondeu: As raposas têm seus covis, e as aves do céu, ninhos; mas o Filho do Homem não tem onde reclinar a cabeça”. Lucas 9:58.

A Palavra de Deus nos orienta sobre um estilo de vida bastante simples: “Tendo sustento e com que nos vestir; estamos contentes”. 1 Timóteo 6:8. 


Vamos nos despojar do supérfluo. É possível descomplicar, procuremos viver a vida com a beleza da simplicidade, da singeleza. Vivamos do jeito de Deus.

Extraído do boletim da C.P.Suarão, Itanhaém / SP. Colaboração Pb. Osni Rullo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT