MAR VERMELHO, MAIS UM MILAGRE

“(...) caminhavam a pé enxuto pelo meio do mar; e as águas lhes eram quais muros, à direita e à esquerda.” Êxodo 14:29.

O Mar Vermelho está situado no sul de Israel. Recebeu esse nome por causa das montanhas avermelhadas de Edom que o ladeiam. Quando o povo de Israel saiu do Egito, foi encurralado por Faraó e seu exército entre as montanhas e o mar. Era um beco sem saída, um lugar de aperto. Nesse momento, Deus ordenou Moisés a tocar as águas com sua vara e o mar se abriu para o povo passar. O mesmo Deus que quebrara o jugo da escravidão agora abre um caminho no meio do mar.

Aquilo que parecia ser o cenário da morte tornou-se o palco do livramento. As mesmas águas revoltas que ameaçavam o povo tornaram-se paredões de proteção para o povo atravessar. Quando o faraó e seus cavalarianos tentaram perseguir Israel, foram engolidos pelo mar e pereceram. O Mar Vermelho transformou-se em lugar de livramento para os escravos hebreus e de condenação para opressores egípcios. Para uns foi o caminho do livramento; para outros a estrada da morte. 


Deus ainda livra seu povo. Ele ainda faz o Seu caminho na tormenta. No meio da tempestade ainda nos abre uma porta de escape.

Oremos
Deus todo-poderoso, dá-me fé para confiar que Tuas promessas se cumprirão em minha vida, embora, às vezes, as circunstâncias queiram me fazer crer no contrário. Em nome de Jesus. Amém.

Cada Dia.

Comentários