JERICÓ, A ÚLTIMA OPORTUNIDADE

“Porque o Filho do Homem veio buscar e salvar o perdido.” Lucas 19:10.

Jesus estava passando por Jericó. Era aquela a última vez que o Filho de Davi cruzava a mais antiga cidade do mundo. Jericó era a cidade das palmeiras, dos banhos de águas quentes, residência de inverno dos reis. Na rota de subida para Jerusalém, Jericó era também uma cidade aduaneira, onde se instalavam os cobradores de impostos. Ali Jesus salvou dois homens, um rico e outro pobre; um desprezado pela família e outro odiado pela sociedade. Em Jericó Jesus arrancou das entranhas das trevas o cego mendigo que jazia à beira do caminho e entrou na casa de Zaqueu, o líder dos cobradores de impostos, para mudar-lhe a vida e dar-lhe o presente da vida eterna.

Tanto o cego mendigo como Zaqueu aproveitaram a última oportunidade. Muitos apenas viram Jesus passar pela cidade. Foram movidos apenas pela curiosidade, mas esses dois homens tiveram um encontro pessoal e transformador com o Senhor Jesus. O cego encontrou luz. Zaqueu repartiu sua riqueza terrena e ganhou um tesouro celestial. Hoje pode ser o dia da sua salvação. Não perca essa oportunidade.

Oremos
Que grande amor pelos perdidos, Senhor! És Tu quem os buscas e os amas primeiro. Tua salvação não vê cor da pele ou conta bancária. Olha-me também como alvo de Teu amor. Em nome de Jesus, amém.

Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

O CRENTE E O CARNAVAL