GADARA, ONDE O CATIVO FOI LIBERTO

“E eis que gritaram: Que temos nós contigo, ó Filho de Deus! Vieste aqui atormentar-nos antes de tempo?” Mateus 8:29.

Jesus saiu de um mar revolto, de uma tempestade no Mar da Galiléia, para encontrar um homem turbulento na região de Gadara, por trás das montanhas de Golan. Aquele homem vivia entre os sepulcros, nu, sangrando, gritando de dia e de noite, furioso, rejeitado pela família e enjeitado pela sociedade. Havia dentro dele uma legião, ou seja, seis mil demônios. Jesus faz essa viagem perigosa, de noite, para esse lugar ermo, com o propósito de libertar esse prisioneiro do diabo.

Para Jesus não tem vida irrecuperável nem causa perdida. Aquele homem era apenas um trapo humano, que vivia entre os mortos, mas Jesus o valoriza, o liberta, o transforma e faz dele um missionário para a sua família e para sua cidade. Aquele que estivera prisioneiro dos demônios agora estava livre. Aquele que estivera nu agora estava vestido. Aquele que estivera perturbado agora estava assentado aos pés de Jesus em perfeito juízo. A obra de Jesus é completa. Ele salva, cura e liberta!

Oremos
Senhor, Tu podes realizar em mim aquilo que homem algum consegue. Sinto que as pessoas ao meu redor já desistiram de mim. Porém confio em Teu cuidado e libertação. Em nome de Jesus, amém.

Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT