CORAGEM PARA DOMINAR-SE

“Melhor é o longânimo do que o herói da guerra, e o que domina o seu espírito, do que o que toma uma cidade.” Provérbios 16:32.

O herói de guerra, que domina uma cidade, não é tão importante, do ponto de vista de Deus, como aquele que domina seu espírito, exercendo ilimitada paciência. Dizia um antigo slogan de uma conhecida marca de pneus: “Potência não é nada sem controle”. Grandes líderes tiverem seus ministérios arruinados por um lapso momentâneo de descontrole e crentes sinceros estão envergonhando o Evangelho por causa de sua intemperança. Agem de forma impensada, tomam decisões erradas e falam coisas na explosão da ira. Dessa forma, transformam suas Igrejas, lares, salas de aula, ambientes de trabalho e relacionamentos afetivos numa verdadeira arena de guerra.

A expressão domínio próprio, também traduzida por continência, temperança ou autocontrole, é a junção de duas palavras gregas: “dentro de” e “força”. Ou seja, o domínio próprio é uma força interna oferecida pelo Espírito Santo capaz de governar todos os tipos de desejos ou paixões carnais. Uma pessoa que tem domínio próprio tem “o poder de conter-se a si mesma”.

Oremos
Deus, meu temperamento explosivo tem me feito viver num eterno palco de conflitos. Enche-me com o Teu Espírito Santo a fim de que eu tenha força para me dominar. Por Jesus Cristo. Amém.

Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

IPB EM FOCO - SIMONTON E AS BASES DO PRESBITERIANISMO NO BRASIL