A RESTAURAÇÃO DO CAÍDO

“Todo aquele que o Pai me dá, esse virá a Mim; 
e o que vem a Mim, de modo nenhum o lançarei fora.” João 6:37.

Pedro negou a Jesus e desistiu de ser discípulo, mas Jesus não desistiu dele. O que Jesus fez para restaurá-lo? Tomou a decisão de procurar Pedro, pois a ovelha perdida não volta sozinha. Aqueles que caem não se restauram sozinhos. Jesus nos ensina a ir ao encontro deles. Não é a ovelha ferida que procura o Pastor, mas o Pastor que vai em busca dela. Jesus não apenas nos ensinou essa verdade, Ele também a praticou. 


Em seguida, Jesus tomou a decisão de não esmagar Pedro. Talvez o que Pedro mais esperasse fosse uma reprimenda. Ele havia prometido ir com Jesus até a morte, mesmo que os outros discípulos o abandonassem. Pensando ser mais forte, tornou-se mais fraco e se sentia o pior dos homens. Jesus, então vem não para esmagá-lo. Ao contrário, prepara-lhe uma refeição, conversa com ele e faz-lhe perguntas endereçadas ao coração. Jesus abriu-lhe o caminho da cura e da restauração. 

É assim que Jesus faz com você também. Hoje mesmo Ele o convida a voltar-se para Ele em arrependimento e fé.

Oremos

Aquele em quem o Senhor Se compraz, se cair, não ficará 
prostrado, porque Tu o seguras pela mão. Eu creio nessa bendita verdade e clamo por Tua restauração em minha vida, Senhor. Em nome de Jesus, amém.

Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

IPB EM FOCO - SIMONTON E AS BASES DO PRESBITERIANISMO NO BRASIL