SEJA CHEIO DO ESPÍRITO

“E não vos embriagueis com vinho, no qual há dissolução, mas enchei-vos do Espírito.” Efésios 5:18.

O homem sempre está cheio de alguma coisa. Está cheio de Deus ou de si mesmo. Está praticando as obras da carne ou produzindo os frutos do Espírito. Paulo diz que não devemos nos embriagar com o vinho, mas devemos ser cheios do Espírito. O vinho produz dissolução; o Espírito produz comunhão e adoração. O vinho produz alegria superficial; o Espírito, alegria permanente. O vinho produz alegria mundana; o Espírito alegria indizível e cheia de glória. O vinho escraviza; o Espírito liberta. O vinho leva o homem a perder o controle; o Espírito produz domínio próprio. O vinho traz vergonha e opróbrio; o Espírito honra e reconhecimento.

O autor de Provérbios pergunta: “Para quem são os ais, Para quem os pesares? Para quem as rixas? Para quem as queixas? Para quem as feridas sem causa? E para quem os olhos vermelhos? Para os que se demoram em beber vinho, para os que andam buscando bebida misturada.” (Pv 23:29-30). As cadeias estão lotadas dos protagonistas da embriaguez e os cemitérios semeados de suas vítimas.

Oremos
Santo Deus, derrama torrentes de graça e misericórdia sobre mim, a fim de que eu só busque dessedentar a sede de minha alma em Ti, a fonte da água da vida. Em nome de Jesus. Amém.

Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

O CRENTE E O CARNAVAL