A FAMÍLIA DEBAIXO DO SANGUE

“O sangue vos será por sinal nas casas em que estiverdes; quando Eu vir o sangue não haverá entre vós praga (...)” Êxodo 12:13.

Israel estava gemendo debaixo de um amargo cativeiro no Egito. A chibata do inimigo, o trabalho forçado e a falta de esperança tornavam a vida deles um pesadelo. Deus viu a aflição do povo, ouviu o seu clamor e desceu para libertá-lo. Por intermédio de Moisés, o Senhor demonstrou Seu poder àquela terra repleta de deuses, desbancando do panteão egípcio suas divindades pagãs. As dez pragas que vieram foram ações do juízo divino àquelas divindades. A libertação, entretanto, deu-se somente na noite da Páscoa. Um cordeiro tinha de ser imolado e seu sangue passado nos batentes das portas.

Onde não houvesse o sangue do cordeiro, o primogênito seria ceifado. Os hebreus obedeceram a ordem de Deus e quando o anjo de Deus passou pelo Egito, a morte não entrou nas casas que estavam debaixo do sangue. Os hebreus foram salvos não por suas virtudes, mas pelo sangue. De igual modo, hoje, somos salvos não pelas nossas obras, nem pelos nossos predicados morais, mas pelo Sangue do Cordeiro imaculado que tira o pecado do mundo. Sua família já está debaixo do Sangue de Jesus?

Oremos
Pai, derrama o Sangue do Cordeiro Jesus sobre os umbrais das portas do meu coração, pois só assim haverá salvação. Peço-Te que toda minha casa esteja debaixo do Sangue de Cristo. NEle eu oro e agradeço, amém.

Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

O CRENTE E O CARNAVAL