O VALOR DA HUMILDADE

Por: Rev. Paulo Sergio da Silva
Pastoral 20.03.11
3ª IPB de Barretos / SP


“É necessário que Ele cresça e que eu diminua.” João 3:30.

A humildade é uma excelente virtude que deve ser buscada, cultivada e valorizada no seio da Igreja. Para sermos fortes na fé necessitamos ser humildes. Ao nos empenharmos em servir o Senhor Jesus, rapidamente notamos quão necessário é sermos humildes. João Batista falou, inspirado por Deus, acerca dessa virtude, não como algo opcional, mas como uma NECESSIDADE. A humildade pode ser comparada ao oxigênio, pois sem ele não há vida, e sem humildade não há vida espiritual. Morremos sufocados por nosso orgulho quando rejeitamos o ensino do Mestre acerca da humildade. A humildade não é opcional, mas necessária à nossa sobrevivência espiritual (Pv 16:18; Tg 4:6; 1 Pe 5:5). Quem quer agradar a Deus precisa ser humilde, quem quer servir ao Espírito Santo precisa ser humilde, quem quer ir para o Céu precisa ser humilde.
 

Assim como as demais virtudes espirituais, a humildade deve ser aprendida, pois não somos humildes por natureza, pelo contrário, fomos concebidos e nascemos com o DNA do orgulho humano. A Bíblia nos ensina de um modo majestoso, o que é SER HUMILDE: “...que Ele (Jesus) cresça e que eu diminua”. Essa é a fórmula da humildade! O seu efeito é progressivo e transformador. Verifiquemos se as nossas atitudes são semelhantes às de Jesus, e se o nosso procedimento, reações e decisões têm como base os ensinamentos de Cristo, ou a nossa própria vontade e temperamento (Mt 5:1-12). 

A Igreja necessita de servos (as) humildes, para que a obra de Deus seja realizada a contento. Sem a humildade a vida cristã torna-se um deserto árido, com a humildade ela se torna um manancial de águas vivas (Sl 84:5-6; Is 58:11; Jo 7:38). “Tende em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, pois Ele, subsistindo em forma de Deus, não julgou como usurpação o ser igual a Deus; antes, a Si mesmo Se esvaziou, assumindo a forma de Servo, tornando-se em semelhança de homens; e, reconhecido em figura humana, a Si mesmo Se humilhou, tornando-Se obediente até à morte e morte de Cruz.” Fp 2:5-8. 

Jesus nos deu o maior exemplo de humildade. Sigamos o Seu exemplo. Deus te abençoe! Uma ótima semana a todos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

O CRENTE E O CARNAVAL