PALAVRAS REVELAM O CONTEÚDO

“Palavras agradáveis são como favo de mel: doces para 
a alma e medicina para o corpo.” Provérbios 16:24.

Em 1 João 4:20 lemos: “Se alguém disser: Amo a Deus, e odiar a seu irmão, é mentiroso; pois aquele que não ama a seu irmão, a quem vê, não pode amar a Deus, a Quem não vê”. 
A reflexão de João é pertinente. Ele combate os que diziam amar a Deus, porém tinham ódio no coração. João perece dizer: o que é isso? Você acha mesmo que ama a Deus? A atitude de odiar não combina com o amor a Deus. Esta é a conclusão dele ao dizer: “ame também a seu irmão”. A Bíblia trata o amor ao próximo como ordem, não opção.

Outra ordem clara que a Palavra ensina é não falar mal de alguém. Como está em Tiago 4:11-12: “Irmãos, não faleis mal uns dos outros. Aquele que fala mal do irmão ou julga a seu irmão fala mal da Lei e julga a Lei; ora, se julgas a Lei, não és observador da Lei, mas juiz. Um só é Legislador e Juiz, aquEle que pode salvar e fazer perecer; tu, porém, quem és, que julgas o próximo?” Não é sensato falar mal dos outros. A Bíblia condena com muita clareza.

Ore
Senhor quero aprender a falar palavras agradáveis para todos. Aprender a encorajar e reanimar os corações. Aprender a amar a Ti e a meu irmão. Aprender a controlar a língua e jamais falar mal de alguém. Por favor Senhor, ajuda-me. Em nome de Jesus, amém.
 

Extraído e adaptado de Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

O CRENTE E O CARNAVAL