A PALAVRA DO MESTRE - O CAMINHO DE DEUS É PERFEITO

Por: Rev. Nelson França

O Sr. Luís congregou conosco quando éramos ainda uma pequena congregação. Era um homem baixinho, barbeiro de profissão. Ele confessava ter sido uma pessoa violenta e dado à bebida. Soube que ele faleceu. Mas, o testemunho de seu encontro com Jesus (compartilhado mais que uma vez, entre lágrimas, nas aulas de escola dominical) é digno de nota.

Segundo ele tudo começou com a persistência de seu vizinho em lhe falar de Jesus e convidá-lo para ir à igreja. Isto ocorreu muitas vezes, quando ele voltava para casa já alterado pela bebida.

Certa vez, tomado de impaciência falou agressivamente ao vizinho que não tornasse a falar-lhe sobre este assunto. De fato, ele não mais o abordou para lhe falar de Jesus.

Ocorre que certo dia, um domingo, quando mais uma vez voltava para casa, já afetado pela bebida, percebeu, a certa distância de sua casa, que duas pessoas discutiam. Era o seu vizinho e o filho dele. Ele percebeu que aquele pai estava chorando diante da resistência do filho em lhe dar ouvidos, deixar o seu mau caminho e buscar a Deus.

Comovido pela tristeza do pai diante da rebeldia do filho, esperou que o moço se retirasse, e, então se aproximou daquele homem e lhe disse: aguarde eu me arrumar, que hoje eu vou com você à igreja.

Ele foi, e nunca mais deixou de freqüentar aquela igreja, onde fez a sua pública profissão de fé e foi batizado.

Aquele homem jamais imaginaria que justamente a rejeição do evangelho por parte do seu filho, seria o meio através do qual o seu vizinho, aquele homem dado à bebida e violento, seria atraído para Jesus.

Isto nos faz lembrar ensinos do tipo:

* Como são inescrutáveis os caminhos de Deus (Romanos 11:33).
* Para Ele não há casos perdidos (Gênesis 18:14).

Enfim, como escreveu o salmista:

“Tu é o Deus que operas maravilhas...” (Salmo 77:14).


O Rev. Nelson é pastor titular da IPB de Praia Grande / SP.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT