A FIDELIDADE NOS LEVARÁ LONGE

“Porque de Deus somos cooperadores; lavoura de Deus, 
edifício de Deus sois vós.” 
1 Coríntios 3:9.

Em pelo menos onze ocasiões o apóstolo Paulo se referiu aos irmãos que com ele estavam no ministério, chamando-as de cooperadores. Eram homens e mulheres que operavam com Paulo na proclamação da mensagem de Jesus Cristo. Ao reconhecer a importância deles e em alguns casos nominá-los percebe-se que a obra de Deus não é realizada isoladamente.

Uma das bênçãos de cooperar é não trabalhar sozinho. Cada um faz uma parte e todos constroem o todo. Assim não pesa demais para ninguém. Insisto no conceito que chamo de confortabilidade. Acredito que na Igreja uma pessoa não deva fazer nada além do que de fato possa. Quem vai além pode encontrar o esgotamento, o que resulta em irritação instantânea, briga sem sentido e perda da produtividade. Ao nos dotar de dons, talentos e nos permitir desenvolver competências, Deus nos mostra o caminho da cooperação. Cada um pode fazer o que sabe e aprender o que desconhece, oferecendo parte do seu tempo ao lado de outros irmãos e irmãs.

Ore

Senhor ajuda-nos a trabalhar em união, com humildade e diligência, com santidade e amor. Fortalece-nos e ensina-nos. Em Cristo Jesus, amém!

Pense
As mudanças acontecem em razão de mais gente aderir a uma visão. No sonho de um, o impacto é menor. Com a cooperação de muitos, a situação ganha níveis superlativos. 


Adaptado de Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

O CRENTE E O CARNAVAL