ALÉM DO DESERTO

"Não andeis ansiosos de coisa alguma; em tudo, porém, sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graças."  
Filipenses 4:6.

Não posso explicar o caminho da paz de Deus dentro de nós. Não tenho meios de decifrar o Seu modo de ação. Não me habilito a apontar a trajetória que percorre até me proporcionar uma das mais extraordinárias sensações que um ser humano pode desfrutar.

Em Filipenses 4:7, Paulo escreveu: “E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará o vosso coração e a vossa mente em Cristo Jesus”. Ao abordar a paz de Deus, há uma definição com ares de indefinição. Para ele a paz de Deus excede todo o entendimento. Está acima de qualquer compreensão. Foge da normalidade das nossas conclusões. Extrapola a capacidade humana de deduzir.

O caminho da paz de Deus está nas conversas que podemos ter com Ele através das nossas orações. O Senhor quer ouvir as nossas histórias. Ele quer saber como estamos, se tristes ou alegres. Fale com Ele sobre todas as situações. Ele tem o poder de mesmo em meio ao tumulto maior nos fazer sentir algo que do ponto de vista humano é impossível.

Ore
Amado Deus, em momentos sofridos, tensos, quando somos abatidos emocionalmente, quando a ansiedade nos assalta e perdemos o rumo, a Tua paz, Senhor, pode nos devolver o equilíbrio. Por Cristo Jesus, amém.

Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT