NOTÍCIAS DA JANELA 10/40 - MAIS DOIS CRISTÃOS ASSASSINADOS EM BAGDÁ

A minoria cristã do Iraque sofreu outro ataque ontem à noite quando homens armados dispararam e mataram um casal de senhores cristãos em sua casa. O tiroteio foi em Baladiyat, uma área predominantemente xiita no leste de Bagdá, e foi o último de uma série de ataques que tem deixado dezenas de cristãos mortos nas últimas semanas.

A violência praticada por extremistas islâmicos tem obrigado a centenas de milhares de cristãos iraquianos a fugirem do país. Desde 2003, a população cristã tem se reduzido de 1,2 milhões a 600.000, segundo algumas estimativas. O ataque mais mortífero contra a minoria foi o estopim, recentemente, no dia 31 de outubro, quando atacantes suicidas entraram na Igreja Nossa Senhora da Salvação em Bagdá, matando a 58 pessoas ferindo outras 75.

O Estado Islâmico do Iraque, que reúne aos grupos islâmicos sunitas insurgentes que incluem Al-Qaeda, assumiu a responsabilidade pelo ataque à Igreja católica. Relembrando das vítimas do ataque de 31 de outubro, o cardeal Leonardo Sandri, prefeito da Congregação para as Igrejas Orientais, relembrou os fiéis que nada pode destruir uma religião que se baseia no ministério da cruz.

“A Igreja, de fato, não diminui com a perseguição, mas se desenvolve, e o campo do Senhor se vê reforçado por uma colheita mais abundante, quando os grãos de trigo que caíram um por um, renascem e se multiplicam”, disse no mês passado durante uma missa na Basílica de São Pedro em Roma, a qual assistiram alguns dos sobreviventes do ataque de outubro.

Os bispos católicos nos Estados Unidos têm pedido aos membros do Congresso que aprovem uma resolução que condene a violência e melhore a segurança para as minorias religiosas no Iraque. A resolução foi apresentada no mês passado pelo republicano Chris Smith.

Fontes:Christian Post, Portas Abertas, NT Gospel.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

O CRENTE E O CARNAVAL