RAPOSINHAS NA VINHA

“Mas vede que essa liberdade não seja de alguma 
maneira 
escândalo para os 
fracos.” 
1 Coríntios 8:9.

Há coisas pequenas que às vezes podem ser um grande embaraço: uma pequenina pedra no sapato, areia na engrenagem, um cisco no olho. Existem coisas pequenas que trazem também grande perturbação na vida espiritual. Nenhum crente é uma ilha.

Nenhum crente vive isolado, independente dos demais membros do corpo de Cristo. Tudo que ele fala e faz reflete inevitavelmente no corpo. Tudo que falamos e fazemos gera influência, ou para o bem ou para o mal, ou para edificação ou para escândalo.

Quando o crente realmente busca uma vida cheia do Espírito Santo, percebe logo que há coisas pequenas que são como as raposinhas que devastam a vinha (Ct 2:15), vão sugando como parasitas pouco a pouco, o nosso vigor e a nossa vitalidade espiritual. Temos que ter coragem para fazermos diferença.

É importante fazer uma pergunta: que tipo de crente sou eu? Uma bênção ou uma pedra de tropeço? Um estímulo ou um desestímulo? Um edificador ou um escandalizador?

Ore
Amado Senhor, que meu testemunho coopere para o progresso do teu reino. Afasta de mim os escândalos. Quero ser unicamente instrumento de edificação. Por Cristo. Amém.

Pense
Como seria a Igreja se todos os crentes tivessem a mesma consagração e o mesmo envolvimento que eu tenho?

Cada Dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT