A BASE DO DISCIPULADO

Por: Rev. Israel Sifoleli 

O Apóstolo Pedro é uma dessas pessoas em quem facilmente nos vemos. Alguém que, atualmente, seria classificado de bipolar, já que seu humor ia de um extremo ao outro com muita facilidade. Como é possível que o mesmo homem possa subir aos píncaros da fé, nos legando declarações contundentes, para no momento seguinte descer ao mais profundo vale da incredulidade? Ele encarna os altos e baixos tão constantes no discipulado a que os seres humanos estão sujeitos.

Percebe-se que ele era muito impulsivo no falar, assim, muitas vezes, suas afirmações categóricas refletiam insensatez. Quando o mestre Jesus o advertiu de que estava próximo de negá-Lo, reagiu contradizendo o Senhor e sustentando que jamais isto aconteceria com ele, demonstrando seu comportamento impulsivo. Obviamente, que não levou muito tempo para constatar sua tolice. Após negar Jesus vergonhosamente por mais de uma vez, diante de uma simples serviçal, foi confrontado e restaurado pelo Mestre no surpreendente dialogo: “Tu me amas? Pastoreia minhas ovelhas”. 

  Jesus deixou claro que em Seu projeto o relacionamento tinha prioridade às atividades. Pedro precisou se humilhar e reconhecer que o relacionamento do discipulado não se baseia no poder humano nem na força de vontade do discípulo, por mais sincero que seja, antes só pode ser viabilizado pelo amor. Amor que cuida dos irmãos ao invés de subestimá-los e se considerar melhor.  Inspirado pelo próprio Mestre, o amor cristão pouco tem a ver com discurso, mas se evidencia nos pequenos atos em favor dos que estão necessitados.

Comentários

  1. Olá! Rev. Paulo, Graça e Paz...

    Passei para conhecer o seu blog, e fiquei maravilhado com o seu trabalho; permita-me segui-lo, também lhe faço um convite, a conhecer o meu humilde trabalho, caso goste fique a vontade.

    Deus abençoe a sua vida...

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigado irmão, SDG!!! Deus o abençoe!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

FIQUE A VONTADE, DEIXE SEUS COMENTÁRIOS!!!

Obs: comentários serão bem-vindos se forem educados e não usarem termos ofensivos. Podemos discordar, mas vamos procurar manter o nível da educação e do respeito. Obs.: ao comentar identifique-se, pois não publicamos comentários anônimos.

Best regards in Christ, God bless you!!!

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

O CRENTE E O CARNAVAL