INDICAÇÃO DE LEITURA - A BÍBLIA E O FUTURO

Por: Antony A. Hoekema

Existem três grandes correntes de pensamento em escatologia, cada uma com uma perspectiva diferente a cerca da vinda do reino de Deus: o reino pode ser (1) presente, ou (2) futuro, ou então (3) tanto presente como futuro, neste caso reconhecendo a distinção entre o “já” - a forma presente do reino como inaugurado por Cristo - e o “ainda não” - o estabelecimento final do reino, que terá lugar quando da Segunda Vinda de Cristo.

Coerentemente com a tese de que escatologia é uma realidade que envolve tanto o presente como o futuro, o livro está dividido em duas partes. A primeira parte, Escatologia inaugurada, trata a realização presente do reino e das bênçãos que a comunidade redimida já desfruta; enquanto isso, a Segunda parte, Escatologia Futura, aborda assuntos tais como o estado do crente entre a morte e a ressurreição do corpo, o juízo final e a nova terra.

ESCATOLOGIA INAUGURADA
O termo “escatologia” origina-se de duas palavras gregas, eschatós e lógos, e significa “doutrina das últimas coisas”. Geralmente, tem sido entendido como referindo-se a eventos que ainda virão a acontecer, relacionados tanto com o indivíduo como com o mundo.

Com relação ao indivíduo, é dito que a escatologia se ocupa de assuntos tais como morte física, imortalidade, e o assim chamado “estado intermediário” - o estado entre a morte e a ressurreição geral.

Com relação ao mundo, a escatologia é vista como tratando da volta de Cristo, da ressurreição geral, do juízo final e do estado final das coisas. Mesmo concordando em que escatologia bíblica inclui os tópicos acima mencionados, nós temos de insistir em que a mensagem da escatologia bíblica será seriamente empobrecida se nela não incluirmos a situação presente do crente e a fase atual do reino de Deus. Em outras palavras, a escatologia bíblica completa precisa incluir tanto o que podemos chamar de escatologia “inaugurada”1 como a escatologia “futura”2 .


Os capítulos 1 e 2 abordam detalhadamente a perspectiva escatológica do Antigo e do Novo Testamentos. O Antigo Testamento está repleto de profecias acerca de bênçãos futuras para Israel. Em o Novo Testamento, muitas destas profecias - embora não todas - são cumpridas na pessoa de Cristo. Por conseguinte, torna-se óbvio que algumas profecias serão cumpridas apenas na Segunda Vinda. O capítulo 3 discute a respeito do propósito e o alvo para o qual esta se move, com Cristo no centro e Deus no comando. Os demais capítulos desta parte abordam a natureza e o significado do reino de Deus, o papel do Espírito Santo na escatologia, e a tensão entre as realidades presente e futura.

 
1 Esta expressão é preferível à “escatologia realizada” (por razões que serão apresentadas mais adiante). Ela se refere ao gozo presente de bênçãos escatológicas que o crente desfruta. 


2 Este termo designa eventos escatológicos que ainda são futuros.

Citações do Livro "A Bíblia e o Futuro" de Antony A. Hoekema - Editôra Cultura Cristã.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

INTRODUÇÃO GERAL AO NT (5) - A ORDEM DOS LIVROS DO NT