SER FELIZ OU TER RAZÃO?

Oito da noite, numa avenida movimentada.
O casal já está atrasado para jantar na casa de uns amigos.
O endereço é novo, bem como o caminho que ela consultou no mapa antes de sair.
Ele conduz o carro.
Ela orienta e pede para que vire, na próxima rua, à esquerda.
Ele tem certeza de que é à direita…
Discutem.
Percebendo que além de atrasados, poderão ficar mal-humorados, ela deixa que ele decida.
Ele vira à direita e percebe, então, que estava errado.
Embora com dificuldade, admite que insistiu no caminho errado, enquanto faz o retorno.
Ela sorri e diz que não há nenhum problema se chegarem alguns minutos atrasados.
Ele questiona: – Se tinhas tanta certeza de que eu estava indo pelo
caminho errado, por que não insistiu um pouco mais?
Ela diz: – Entre ter razão e ser feliz, prefiro ser feliz!!! Estávamos
à beira de uma discussão, se eu insistisse mais, teríamos estragado a noite!

Reflita

Em muitos momentos da vida, o recuo é a melhor forma de se mostrar o potencial. Cabe a você perceber quais são estes momentos. Porém, lembre-se sempre: eles existem o dia todo e estão bem ao seu alcance! E mais, você não precisa brigar com as pessoas para provar que tem razão. Ter paz e ser feliz é mais importante do que se indispor por qualquer questão, muitas vezes sem relevância alguma, simplesmente para GANHAR uma espécia de "queda de braço". Aqueles que sempre querem GANHAR, sempre querem ter razão, agem desse modo por mero orgulho.

www.gpontes.com

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ASSUMIR UMA POSIÇÃO DIANTE DE DEUS

PODE O CRENTE PARTICIPAR DA FESTA DO PEÃO?

O CRENTE E O CARNAVAL